Breno estreia com gol, mas Flamengo só empata com o America pela Taça Rio sub-20

DX7o h X4AEotZi - Breno estreia com gol, mas Flamengo só empata com o America pela Taça Rio sub-20
Foto: Frequência Máxima Web Rádio.

Poupando vários jogadores e com o adversário mais preparado, o Flamengo teve dificuldade para empatar por 1 a 1 com o America na manhã deste sábado (10), no estádio Giulite Coutinho, pela segunda rodada da Taça Rio sub-20. O jogo foi bem mais complicado que a semifinal da Taça Guanabara, há menos de duas semanas, quando o Fla goleou por 8 a 0, com direito a quatro gols de Lucas Silva. Desta vez, o estreante Breno, destaque do Rio Branco-ES na Copa São Paulo, anotou o tento rubro-negro, depois de Bazezi ter aberto o placar. O America teve um jogador expulso nos minutos finais.

Com o empate, o Flamengo deixou de assumir a liderança provisória do Grupo A. Atualmente, é o terceiro colocado, com dois pontos, mas pode perder várias posições até o fim da rodada. Na próxima quarta-feira (14), o compromisso será contra o Fluminense, às 10h, na Gávea.

Primeiro tempo:

Nos 20 minutos iniciais, o Flamengo dominou no quesito posse de bola, embora com pouca criatividade, enquanto o adversário se limitava a esperar os contra-ataques. Quando apertou a marcação na saída de bola, o America soube aproveitar um recuo errado para largar na frente. Aos 17 minutos, Caju dividiu com o goleiro Hugo Souza e, na sobra, o oportunista Bazezi só teve o trabalho de empurrar para a rede.

O gol deu confiança ao America, que aproveitou a liberdade pelo lado direito e continuou assustando depois do tempo técnico. Aos 22, Bazezi enfiou boa bola para Bala, mas o chute saiu um pouco alto. O Flamengo respondeu com sua primeira boa jogada. Wendel chegou bem ao ataque e rolou para Luiz Henrique, que arriscou de primeira, de fora da área. Porém, para fora. O gol de empate saiu aos 31. Após escanteio cobrado por Bill, o atacante Breno desviou de cabeça para deixar tudo igual: 1 a 1.

A virada quase ocorreu na sequência. Aos 33, Theo levantou na área e Bernardo cabeceou pela linha de fundo. O America tentou num chute de Matheus, mas Hugo Souza fez a defesa com segurança.

Segundo tempo:

Aos cinco minutos da segunda etapa, Caju foi lançado e colocou na rede, mas o gol foi anulado, pois houve falta em Aderlan antes da finalização. O próprio Caju teve nova chance aos oito, mas desviou para fora o cruzamento de Matheus. Muito faltoso desde o início, o jogo ficou tenso após a expulsão do preparador técnico do America. Também fora das quatro linhas, os dois técnicos reclamaram muito da arbitragem.

Com as substituições promovidas pelo treinador Maurício Souza, o Flamengo esboçou uma melhora depois da parada técnica. Yuri César quase virou num chute rente à trave. Mas, parou por aí. Aos 35 minutos, o America ficou com um jogador a menos. Franck, que já tinha cartão amarelo, fez falta e levou o vermelho. Mesmo após a expulsão, o time da casa quase marcou o segundo. Caju furou na tentativa de cabecear dentro da área, aos 38. Quase no fim, Vitor Gabriel também desperdiçou uma chance pelo Fla, chutando fraco, de biquinho. Ramon passou mais perto de marcar, mas acertou a rede pelo lado de fora. Com erros dos dois lados, o empate persistiu.

FICHA TÉCNICA — AMERICA 1 X 1 FLAMENGO:
Campeonato Carioca sub-20 – 2ª rodada da Taça Rio
Data: 10 de março de 2018 (sábado)
Horário: 10h (de Brasília)
Estádio: Giulite Coutinho, no Rio de Janeiro/RJ
Arbitragem: Raphael Cruz Ramos; Vinícius Mendes Teixeira e Paola Rodrigues José; Wagner da Silva Figueiredo.

Escalações:
AMERICA — Gustavo; Matheus, Thiago, Touro e Chris; Franck, Bala (Alex Junior) e Knupp; Bazezi (Enzo), Alfinete (Renan) e Caju. Técnico: Gilney Barreto.
FLAMENGO — Hugo Souza; Vitor Ricardo, Bernardo, Aderlan e Michael; Theo (Hugo Moura, Rafael Carvalheira (Luan David), e Luiz Henrique; Wendel (Ramon), Bill (Yuri César) e Breno (Vitor Gabriel). Técnico: Maurício Souza.

Gols:
AMERICA — Bazezi, aos 17 minutos do primeiro tempo.
FLAMENGO — Breno, aos 31 minutos do primeiro tempo.

Cartões amarelos:
AMERICA — Bala e Franck.
FLAMENGO — Bill, Theo e Hugo Moura.

Cartão vermelho:
America – Franck.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *