Contra o Basquete Cearense, fora de casa, Flamengo chega ao quinto triunfo seguido no NBB

Foto: Stephan Eilert/SolarCearense.

Depois de ter encerrado a maratona de jogos em casa pelo Novo Basquete Brasil (NBB) em ótima fase, o Flamengo foi até o ginásio Paulo Sarasate, em Fortaleza/CE, para enfrentar o Basquete Cearense, no início da tarde deste domingo (14). O resultado foi novamente positivo, de 92 a 75, confirmou a quinta vitória seguida e a manutenção da liderança. O venezuelano David Cubillán liderou a equipe com 24 pontos, terminando como cestinha. Rashaun fez 19 pelo adversário. Na próxima terça-feira (16), o Fla terá pela frente o Vitória, às 19h30, no ginásio poliesportivo de Cajazeiras/BA.

O jogo:

O primeiro quarto da partida foi equilibradíssimo e muito corrido. Na primeira cesta, Leonardo cravou e fez os dois primeiros pontos do Basquete Cearense, que chegou a abrir 4 a 0. Mas, o Flamengo virou com dois arremessos de três convertidos por Ronald Ramon e Cubillán. Daí em diante, aconteceram várias trocas de liderança do placar. Na reta final, o Fla chegou a retomar a vantagem em duas oportunidades, graças ao ótimo aproveitamento de Ramon e Cubillán, mas o time da casa fez 25 a 24 com dois lances livres cobrados por Felipe.

O equilíbrio seguiu no segundo quarto, mas com o Basquete Cearense a frente durante a primeira metade. Mais uma vez, Leonardo anotou os pontos iniciais numa enterrada, colocando a diferença em três pontos. Depois de diminuir o prejuízo por várias vezes, o Flamengo conseguiu empatar restando cinco minutos para o intervalo, com assistência de Ronald Ramon e dois pontos de JP Batista. MJ Rhett após sofrer falta. No melhor momento rubro-negro, a vantagem foi de sete pontos. O Basquete Cearense conseguiu descontar para cinco, mas Marquinhos sofreu falta, converteu um lance livre e, na sequência, roubou a bola para fazer mais três pontos no último ataque do primeiro tempo: 41 a 32.

Na volta do intervalo, o Basquete Cearense se mostrou disposto a reagir. Betinho converteu um arremesso de três com apenas 20 segundos.  A diferença chegou a cair para quatro pontos em duas oportunidades. O destaque anfitrião no terceiro quarto foi Davi Rossetto, responsável por duas bolas de três. Porém, mesmo pressionado, o Flamengo soube administrar a vantagem e até fazê-la crescer. Olivinha e Cubillán também fizeram três pontos em momentos importantes, bem como Marquinhos, o principal responsável pelo placar parcial de 66 a 55.

Os dois primeiros pontos do último períodos foram marcados por Felipe, para o Basquete Cearense, mas o Flamengo praticamente definiu a partida com duas cestas de três em sequência, anotadas por Arthur Pecos e Cubillán. Marquinhos sofreu falta, fez um ponto, Olivinha anotou mais dois e a diferença foi a 18, a maior do duelo. Rashaun e Betinho comandaram novo princípio de reação do Basquete Cearense, descontando para 10, mas José Neto pediu tempo e o Fla se acertou para os últimos cinco minutos. Logo que o jogo recomeçou, o incansável Cubillán fez mais três pontos, depois mais três, e abriu caminho para o tranquilo placar final: 92 a 75.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *