Flamengo busca empate contra o Botafogo e vai à final do Campeonato Carioca sub-20

Foto: Gabriel Salotti/iFlamengoNews.

*Com informações do repórter Gabriel Salotti

Na tarde deste sábado (28), Flamengo se classificou para a final do Campeonato Carioca sub-20. A vaga foi assegurada no empate por 1 a 1 com o Botafogo, na Gávea. O resultado foi favorável ao Fla devido ao título da Taça Guanabara. Mateus Jorge abriu o placar, de pênalti, mas Vitor Gabriel fez o gol que manteve o time rubro-negro vivo na briga pelo título estadual. O último adversário será o Vasco, em dois confrontos, nos próximos finais de semana, em São Januário e na Gávea. As datas ainda não foram divulgadas pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

Na próxima terça-feira (01), haverá compromisso decisivo pela Copa do Brasil. O segundo jogo das quartas de final, contra o Corinthians, está marcado para as 15h, na Gávea. O Flamengo venceu o primeiro por 2 a 1 e jogará novamente com a vantagem do empate.

Primeiro tempo:

A semifinal começou morna. A primeira chance foi do Botafogo, mas Gabriel Batista saiu bem do gol e impediu que João Celeri finalizasse. O Flamengo tentou responder com Vitor Gabriel, só que o chute do atacante foi prensado. Aos 14, o próprio Vitor Gabriel recuperou a bola no meio-campo, carregou até a área e arriscou o chute, que saiu fraco e pela linha de fundo. Justamente quando o Fla começava a sair mais para o jogo, o Botafogo chegou ao gol. Aos 17 minutos, o árbitro marcou toque de mão de Aderlan na área. Mateus Jorge cobrou o pênalti e fez 1 a 0 para o Botafogo.

Depois do tempo técnico, o jogo ficou truncado, cheio de faltas e cartões amarelos. As jogadas que poderiam resultar em gol foram poucas, todas pelo lado rubro-negro. Aos 23 minutos, Pepê acionou Luiz Henrique, que chutou rente à trave. O lance animou a torcida. Aos 37, Vitor Gabriel chutou sem mira da intermediária. Já aos 43, Luiz Henrique também não levou perigo na tentativa de fora da área.

Segundo tempo:

Depois do intervalo, o Flamengo passou a demonstrar mais organização. Logo no primeiro minuto, Wesley avançou pela ponta direita e chutou por cima, já de dentro da área. Aos três, Klebinho cruzou e os jogadores do Fla ficaram pedindo pênalti, mas o árbitro entendeu que o marcador fez o corte com o peito. Aos seis, Wesley cobrou lateral forte e Bill chutou para fora. A pressão seguiu até sair o gol de empate. Aos 13 minutos, Vitor Gabriel aproveitou uma bola sobrada na área e fuzilou rede alvinegra: 1 a 1. Wesley ainda criou uma chance de virar, aos 17, só que chutou em cima do autor do gol.

Antes mesmo da parada técnica, o Botafogo já havia dado indícios de que iria para cima. E foi, principalmente nos minutos finais. Luan chegou a marcar, mas o lance foi invalidado por impedimento. Apesar das chances criadas, nenhuma ofereceu grande perigo a Gabriel Batista. A principal foi uma cabeçada de Luan para fora. Nas outras, Hugo Moura fez várias intervenções. Já o Fla, por muito pouco não virou. Aos 35, Yuri César puxou contra-ataque rápido e optou por fazer o toque para Wesley, em posição irregular. A jogada foi interrompida pelo bandeirinha. Já nos acréscimos, em novo contra-ataque, Yuri serviu Vitor Gabriel, que chutou certo, tirando do goleiro Diego, mas carimbou a trave.

FICHA TÉCNICA — FLAMENGO 1 X 1 BOTAFOGO:
Semifinal do Campeonato Carioca sub-20
Data: 28 de abril de 2018 (sábado)
Horário: 15h (de Brasília)
Estádio: José Bastos Padilha (Gávea), no Rio de Janeiro/RJ
Arbitragem: Paulo Renato Moreira da Silva Coelho; Rafael Sepeda de Souza e Thiago Varela dos Santos; Daniel Elbert de Andrade.

Escalações:
FLAMENGO — Gabriel Batista; Wesley, Aderlan, Hugo Moura e Michael; Theo, Klebinho (Yuri César) e Pepê (Gabriel Kazu); Luiz Henrique (Marx Lenin), Bill (Vitor Ricardo) e Vitor Gabriel. Técnico: Márcio Torres.
BOTAFOGO — Diego; Fernando, Gabriel, Luca e Lucas Barros (Caetano); Wenderson, Caio Alexandre e Pedro; Rhuan (Mateus Bastos), Mateus Jorge (Amilcar) e João Celeri. Técnico: Eduardo Barroca.

Gols:
FLAMENGO — Vitor Gabriel, aos 13 minutos do segundo tempo.
BOTAFOGO — Mateus Jorge, aos 18 minutos do primeiro tempo.

Cartões amarelos:
FLAMENGO — Pepê, Bill, Vitor Gabriel e Gabriel Batista.
BOTAFOGO — Pedro Alves, Caio Alexandre e Fernando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *