Flamengo cai de rendimento após saída de Paquetá, perde para o Macaé e deixa de ser líder na Taça Rio

DX95UkyXcAAGRIc - Flamengo cai de rendimento após saída de Paquetá, perde para o Macaé e deixa de ser líder na Taça Rio
Foto: Gilvan de Souza/Flamengo.

Com a cabeça na Copa Libertadores da América e um time quase todo reserva, o Flamengo não soube aproveitar as várias chances criadas no primeiro tempo, quando Lucas Paquetá estava em campo, e acabou sendo derrotado por 1 a 0 pelo Macaé, na noite deste sábado (10), em partida disputada no Moacyrzão. Lepu fez o único gol do jogo na segunda etapa. O Fla ainda terminou com um jogador a menos, pois Léo Duarte recebeu dois cartões amarelos quase seguidos e foi expulso.

O tropeço custou a liderança do Grupo B da Taça Rio, que agora pertence ao Vasco, com 10 pontos contra nove após cinco rodadas. Pressionado pela própria torcida, o Rubro-Negro terá compromisso pela Libertadores na próxima quarta-feira (14), fora de casa, contra o Emelec. O confronto está marcado para as 21h45, no estádio George Campwell, em Guayaquil (EQU).

Primeiro tempo:

Com jogadores buscando espaço no elenco, o Flamengo começou bem. Aos três minutos, Geuvânio fez cruzamento e Léo Duarte desviou com perigo, mas a cabeçada pela linha de fundo. Aos sete, a zaga do Macaé cortou mal um cruzamento de Vinicius Junior. Trauco chegou chutando de primeira, mas para fora. No minuto seguinte, Lucas Paquetá deu bom passe bola para Felipe Vizeu, só que o goleiro encurtou o espaço e mandou para escanteio. A rede chegou a balançar aos 12, quando Felipe Vizeu completou assistência de Vinicius Junior, mas a bola tinha saído antes do passe para trás. Quatro minutos depois, Willian Arão enfiou no meio da zaga adversária e encontrou Vinicius. O garoto carregou até a entrada da área e chutou no contrapé do goleiro, mas a bola saiu rente à trave.

Depois da parada técnica, o Flamengo reduziu o ímpeto ofensivo. Nem por isso deixou de dominar. Aos 22, Lucas Paquetá aplicou lindo drible em Júlio César, no meio-campo, e avançou em direção à área, mas chutou sem direção. Chamou atenção um drible de Vinicius Junior em Lepu, no campo de defesa, embora o lance não tenha resultado em chance de gol. Boa oportunidade o garoto teve aos 43, quando o goleiro Luis Cetin se jogou no chão para interceptar um cruzamento de Geuvânio. Atento, Vinicius finalizou consciente, mas a bola bateu no pé da trave. O Fla terminou o primeiro tempo com 77% de posse de bola.

Segundo tempo:

No intervalo, Paulo César Carpegiani sacou Jonas e Lucas Paquetá para as entradas de Cuéllar e Pepê. Quem voltou assustando foi o Macaé, logo no primeiro minuto do segundo tempo. Edinho fez um giro na entrada da área e chutou de primeira, bem perto da trave. Geuvânio deu a resposta no outro lado, mas a finalização também foi pela linha de fundo. Aos nove, Trauco experimentou de longe, mas Luis Cetin espalmou para o lado. Willian Arão também resolveu experimentar, aos 14, só que o forte chute foi à esquerda do gol. Quem não faz, leva. Aos 19, Lepu recebeu em profundidade, ganhou de Cuéllar e chutou bem no canto. Diego Alves ainda tentou chegar, mas não conseguiu: 1 a 0.

Depois da parada técnica, a torcida chegou a iniciar uma vaia. Porém, voltou a apoiar pouco depois. Aos 25 minutos, Trauco soltou uma pancada da intermediária, mas viu o goleiro do Macaé fazer nova defesa. A tentativa de pressão, principalmente após a entrada de Lincoln, levou um balde de água fria quando Léo Duarte fez falta desnecessária e recebeu o cartão vermelho, pois tinha levado o amarelo minutos antes.

Tentando aproveitar a situação formada, o time da casa se lançou ao ataque. Diego Alves trabalhou para impedir um gol de falta do Pipico, aos 27, e salvou uma finalização cruzada do mesmo jogador, aos 38. O artilheiro do Campeonato Carioca ainda teve um chute forte tomando o rumo da linha de fundo. Aos gritos de “time sem vergonha”, o Flamengo não conseguiu mexer no placar.

FICHA TÉCNICA — MACAÉ 1 X 0 FLAMENGO:
Campeonato Carioca – 5ª rodada da Taça Rio
Data: 10 de março de 2018 (sábado)
Horário: 19h30 (de Brasília)
Estádio: Cláudio Moacyr de Azevedo (Moacyrzão), em Macaé/RJ
Arbitragem: Rafael Martins de Sá; Carlos Henrique Alves de Lima Filho e Marcio Moreira de Queiroz; Rafael Sepeda de Souza.

Escalações:
MACAÉ — Luis Cetin; Marcelo, Admilton, Luis Felipe (Lucas Gabriel) e Vladimir; Charles, Júlio César (Gedeil) e Lepu; Edinho (Matheus Barcelos) e Pipico. Técnico: Josué Teixeira.
FLAMENGO — Diego Alves; Pará, Léo Duarte, Matheus Thuler e Trauco; Jonas (Cuéllar), Willian Arão e Lucas Paquetá (Pepê); Geuvânio (Lincoln), Vinicius Junior e Felipe Vizeu. Técnico: Paulo César Carpegiani.

Gol:
MACAÉ — Lepu, aos 19 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos:
MACAÉ — Luis Felipe e Júlio César.
FLAMENGO — Lucas Paquetá, Léo Duarte e Pepê.

Cartão vermelho:
FLAMENGO — Léo Duarte.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *