Flamengo conquista sete medalhas no Brasileiro de Ginástica Artística Juvenil e Pré-Infantil

Além do vice-campeonato por equipes femininas nas duas categorias, Rubro-Negro teve dois ouros e três bronzes individuais

0
105
Foto: Daniel Nunes.

O Flamengo teve bons resultados no Campeonato Brasileiro de Ginástica Artística Pré-Infantil e Juvenil, disputado neste final de semana (08 a 10), no ginásio da Sogipa, em Porto Alegre. Vice-campeão por equipes femininas nas duas categorias, o Rubro-Negro ainda teve dois medalhistas de ouro e três de bronze em provas individuais, totalizando sete medalhas.

Na disputa por equipes juvenil, Maria Julia Marques, Beatriz Santos, Karoline Silva e Vitória Silva somaram 141.700 pontos. O título ficou para o Cegin, com 154.332. Vitória foi a melhor rubro-negra no individual geral sub-13, ficando em sétimo, com 44.233 pontos. Já Maria Julia, a melhor no sub-15, em sexto, com 48.767. Na prova das barras assimétricas, ela conquistou o bronze, com 11.900.

Formada por Josué Heliodoro, Iago Cruz, Guilherme de, Roger Luiz Azarias e Cauã Siqueira, a equipe juvenil masculina do Fla terminou em nono, com 201.450. Josué ficou em 12º no individual geral sub-15, com 67.700 pontos, e foi campeão do salto, com 13.225. Já Iago terminou em 19º no individual geral sub-17, com 60.500, e faturou o bronze no salto, com 12.850.

Na disputa por equipes pré-infantil feminina, Maria Heloisa Moreno, Manuela Garcia, Maria Manuela da Anunciação, Carey Pinheiro, Cristiane Gomes e Ana Letícia de Andrade deram a medalha de prata ao Fla, com 190.806 pontos, atrás apenas do Pinheiros, com 194.852. Maria Heloisa foi a campeã do individual geral sub-09, com 48.552 pontos, e Manuela ficou com o bronze, somando 45.358. Maria Manuela foi a melhor rubro-negra no sub-11, terminando em 15º, com 47.435.

Já a equipe masculina, com Brian Barreto, João Pedro Bandeira, Arthur Leite e Pedro Henrique Forte, fez 216,875 pontos e terminou em sétimo. Brian foi o sexto colocado no individual geral sub-09, com 73.575 pontos, enquanto João Pedro, o 23º do sub-11, com 72.950.

DEIXE UMA RESPOSTA