Flamengo passa dos 100 pontos e vence o Minas pela segunda vez nas quartas do NBB

Foto: Staff Images/Flamengo.

O Flamengo está a apenas uma vitória de alcançar as semifinais do Novo Basquete Brasil (NBB). Na noite desta terça-feira (17), o time rubro-negro derrotou o Minas Tênis Clube por 101 a 74, na Arena Carioca 1, e abriu 2 a 0 na série válida pelas quartas de final. JP Batista foi o cestinha, com 23 pontos, seguido por Marquinhos, com 21. O maior pontuador mineiro foi Wesley, com 18. As equipes voltarão a se enfrentar na próxima quinta (19), às 19h30, no mesmo local.

O jogo:

O primeiro ponto da partida foi marcado pelo Minas, com Teichmann cobrando lance livre. O Flamengo virou com dois de Anderson Varejão, chegou a ficar novamente atrás, mas reassumiu a liderança do placar para não mais deixá-la. A maior vantagem do primeiro quarto foi de cinco pontos, depois de uma sequência com três de Marquinhos e mais três de Anderson Varejão. No momento em que o time mineiro ameaçava, um toco de JP Batista teve grande importância. A parcial terminou em 23 a 20.

Foto: Staff Images/Flamengo.

A proximidade no placar acabou por aí. Errando pouco no ataque no segundo quarto, o Flamengo marcou 30 pontos em 10 minutos. Destaque para uma cravada de MJ Rhett e duas cestas de três, de Arthur Pecos e Marcelinho Machado. O Minas, por sua vez, conseguiu fazer apenas 15 e foi para o intervalo perdendo por 55 a 35.

Os 30 pontos do período anterior foram repetidos pelo Flamengo na volta para o segundo tempo. A diferença chegou a ser de 32 pontos, muito em função das quatro cestas de três convertidas, sendo duas por Marquinhos, uma por Cubillán e outra por Ronald Ramon. Jefferson descontou o prejuízo mineiro para 81 a 52, mas JP Batista fez 83 a 52 no último segundo do quarto.

No início do último período, Cubillán cortou qualquer chance de reação do Minas. Com duas bolas de três quase seguidas, o venezuelano deixou o Flamengo em situação muito confortável. A maior diferença de toda a partida foi completada com dois pontos de JP Batista, abrindo 41. Nos cinco minutos finais, o técnico José Neto fez mudanças no time. Oportunidade para o adversário descontar o prejuízo, embora muito pouco. Restando pouco um minuto e meio, MJ Rhett fez o 101º ponto rubro-negro. Audrei e Lelê ainda pontuaram pelo Minas. Placar final: 101 a 74.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *