Flamengo perde para o Juventude e se complica na Copa RS sub-20

Rubro-Negro pressionava quando levou o gol, aos 39 minutos do segundo tempo

0
217
Foto: Digue Cardoso.

Apesar de ter feito atuação bem superior à da estreia, quando foi derrotado por 3 a 0 pelo Huracán, da Argentina, o Flamengo voltou a perder na Copa Rio Grande do Sul sub-20. O algoz da vez foi o Juventude, que levou a melhor por 1 a 0 na manhã desta terça-feira (05), no estádio do Vale, pela segunda rodada do Grupo C. O único gol da partida foi marcado por Ivanaldo, que saiu do banco de reservas para definir, aos 39 minutos do segundo tempo.

Ainda sem pontuar, o Flamengo ocupa a lanterna e está em situação delicada dentro da chave. O Juventude chegou a seis pontos e ocupa a liderança isolada. De folga na rodada, o Huracán em três e está em segundo, seguido por Cruzeiro e Ponte Preta, que se enfrentam ainda nesta sexta. O próximo adversário do Fla, que precisa vencer os dois compromissos restantes para seguir vivo, será o Cruzeiro, quinta-feira (07), às 21h30, no mesmo local.

O jogo:

Até os 25 minutos, o duelo foi bastante parelho, com leve domínio do Juventude, que teve um melhor equilíbrio defensivo e assustou em falhas da zaga rubro-negra. O Flamengo melhorou na segunda parte do primeiro tempo. Em chute de fora da área, Pepê mirou no ângulo e tirou do goleiro, mas mandou para fora. Lucas Silva buscou investida pela esquerda, se livrou de um marcador e cruzou para a área, mas o carrinho de Pepê não foi suficiente para alcançar a bola e escorá-la para o gol. Aos 36 minutos, Lucas Silva resolveu arriscar de longe e acertou a trave. Na melhor chance do Juventude, em cobrança de falta de Bruno, aos 40, o goleiro Hugo Souza caiu bem e mandou para escanteio.

O segundo tempo começou com o Flamengo em cima. Aos três minutos, Aderlan foi ao fundo e cruzou rasteiro. Gustavo não alcançou e a bola foi na segunda trave. Após Lucas Silva dividir com o zagueiro, o goleiro William ficou com ela. Aos 12, Vitor Gabriel chutou da entrada da área para nova defesa de William.

Satisfeito com o empate, que já lhe deixaria na liderança da chave, o Juventude passou a cadenciar o jogo, enquanto o Flamengo seguiu mais ofensivo. Aos 25, Michael fez bom cruzamento, a bola passou por Wendel e Lucas Silva apareceu finalizando de primeira, na segunda trave, mas o goleiro do time do time gaúcho salvou novamente, desta vez com o pé.

As chances perdidas pelo Fla custaram caro. Aos 39 minutos, em seu primeiro toque na bola, depois de ter saído no banco, Ivanaldo recebeu nas costas do zagueiro Matheus Thuler, ajeitou o corpo e completou o rápido contra-ataque do Juventude com uma finalização certeira, de fora da área, no canto esquerdo rasteiro, sem chance para Hugo Souza defender: 1 a 0. Nos acréscimos, o goleiro rubro-negro ainda defendeu um chute forte de Bagé, em outro contra-ataque bem armado.

DEIXE UMA RESPOSTA