Flamengo vence Botafogo de virada e fica perto da final do Torneio OPG sub-20

Foto: iFlamengoNews.

O Flamengo segue com 100% de aproveitamento na segunda fase do Torneio Octávio Pinto Guimarães (OPG) sub-20. Na tarde deste sábado (28), em clássico disputado na Gávea, o time rubro-negro conquistou a terceira vitória consecutiva ao fazer 2 a 1 no Botafogo, de virada, pela última rodada do primeiro turno do Grupo E. Ezequiel inaugurou o placar na primeira etapa, mas Samuel e Bill garantiram o resultado positivo no começo do segundo tempo.

Único invicto, o Flamengo tem nove pontos e lidera com sobras. O vice-líder é o Fluminense, com quatro. O Botafogo tem dois, enquanto o Audax Rio fecha a chave com apenas um. Caso vença o clássico contra o Flu, pela quarta rodada, o Fla garantirá vaga na final da competição com duas rodadas de antecedência. A partida está marcada para a próxima quarta-feira (01), às 16h, também na Gávea.

Primeiro tempo:

O começo do clássico foi marcado pela superioridade rubro-negra. No primeiro ataque, Lucas Silva foi lançado na ponta direita e conseguiu o escanteio. Na jogada aérea, Matheus Thuler cabeceou para fora. A melhor chance de antes do tempo técnico também foi pelo alto, em cabeçada de Bill no cantinho, defendida pelo goleiro Saulo. Pouco antes da parada, o Botafogo levou perigo pela primeira vez, mas Hugo Souza fez duas defesas à queima roupa. Na volta do descanso, o placar saiu do zero. Em chute da entrada da área, Ezequiel fez 1 a 0 para o time visitante.

O Flamengo tentou responder de imediato e Klebinho quase empatou ao ser lançado por Lucas Silva, mas parou no goleiro. Em novo ataque, depois de roubar a bola, Pepê serviu Bill, que mandou pela linha de fundo, da mesma forma que Jean Lucas, que também teve chance de empatar pouco depois. Aos 40, Bill fez fila na zaga alvinegra e desta vez chutou com endereço, mas Saulo espalmou. Nos acréscimos, Lucas Silva quase fez de voleio, mas faltou pontaria. Já no último lance do primeiro tempo, Samuel foi acionado e também mandou para fora.

Segundo tempo:

Se a bola não quis entrar antes do intervalo, o Flamengo precisou de poucos minutos para buscar a virada na segunda etapa. Aos cinco, Samuel recebeu no lado direito da área, cortou o marcador e finalizou de biquinho para deixar tudo igual. Quatro minutos depois, o segundo gol rubro-negro foi fruto de bela jogada coletiva. Pepê fez o corta-luz no meio-campo e a bola sobrou para Michael, que lançou Bill em profundidade. De frente para o goleiro, o atacante teve calma para driblar e colocar na rede: 2 a 1.

Aproveitando o bom momento, Pepê quase fez mais um para o Fla, mas viu Saulo mandar para escanteio a finalização de dentro da área. Ezequiel respondeu colocando uma bola na trave depois de girar em cima de Thuler. Equilibrado até o final, o clássico terminou com vitória rubro-negra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *