Marquinhos comanda vitória do líder Flamengo sobre a Liga Sorocabana no NBB

DTTDuA6WkAAo2u  - Marquinhos comanda vitória do líder Flamengo sobre a Liga Sorocabana no NBB
Foto: Rafael Lisboa/iFlamengoNews.

O Flamengo é mais líder do que nunca no Novo Basquete Brasil (NBB). Com a vitória por 82 a 67 sobre a Liga Sorocabana, na noite desta quinta-feira (11), o time rubro-negro chegou a 81,8% de aproveitamento, em 11 jogos, e se manteve na primeira colocação. A partida aconteceu na Arena Carioca 1, no Parque Olímpico da Barra, tendo como destaque o ala Marquinhos, cestinha com 27 pontos. Ronald Ramon fez 20, bem como o maior pontuador da LSB, o pivô Lucão. Com quatro vitórias seguidas, o Fla tentará alcançar a quinta no próximo domingo (14), ao meio-dia, diante do Basquete Cearense, no ginásio Paulo Sarasate.

O jogo:

O primeiro quarto foi marcado pela longa interrupção por conta de um problema no relógio que marca os 24 segundos em cada ataque. A partida ficou parada por cerca de 15 minutos e os jogadores tiveram que refazer o trabalho de aquecimento. Com a bola em jogo, o Flamengo teve um ótimo início e chegou a abrir 8 a 0, com seis dos pontos anotados por Marquinhos, mas permitiu que a diferença fosse quase toda desfeita pela Liga Sorocabana. Mesmo assim, fechou a parcial com 19 a 16, graças ao chute de três pontos de Olivinha.

DTS7FKXX0AAt6aW 225x300 - Marquinhos comanda vitória do líder Flamengo sobre a Liga Sorocabana no NBB
Foto: Eduardo Junior/iFlamengoNews.

Durante o segundo quarto, o Fla esteve sempre à frente, mesmo com o time bastante modificado, mas sem desgrudar. Arthur Pecos, Pilar e Humberto entraram em quadra. Coube ao último fazer os dois pontos que colocaram a vantagem em cinco, a maior durante o período, que voltou a aparecer após duas bolas de três consecutivas de Ronald Ramon. Porém, a Liga Sorocabana encostou de novo e forçou o técnico José Neto a pedir tempo. O placar foi para o intervalo com diferença mínima favorecendo o Rubro-Negro: 33 a 32.

No começo do terceiro período, Olivinha fez dois pontos, mas Drudi chutou para três e empatou o confronto. A virada chegou a acontecer numa cesta de Lucão, só que foi desfeita em pouco tempo, pois Marquinhos anotou três pontos na sequência. Graças a ele e também a Ronald Ramon, que chamaram a responsabilidade, o Flamengo conseguiu abrir cinco pontos de vantagem mais uma vez, com 58 a 53.

O equilíbrio, existente até então, desapareceu depois de um toco aplicado por JP Batista. Confiante, o atleta fez quatro pontos seguidos e empurrou o Fla para frente. Arthur Pecos colocou a vantagem na casa dos dois dígitos com um chute de três. Num contra-ataque rápido puxado por Cubillan, Marquinhos fechou sua conta pessoal de 27 pontos. Ainda restavam alguns minutos para o líder do NBB administrar o resultado e vencer com facilidade no final, por 82 a 67.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *