Palmeiras faz 2 a 0 e Flamengo vê G-4 ficar distante no Brasileirão

Deyverson marcou duas vezes no primeiro tempo e Diego Alves impediu goleada

0
215
Foto: Staff Images/Flamengo.

Não fosse pelas defesas de Diego Alves, o Flamengo podia ter sido goleado pelo Palmeiras neste domingo (12). Apesar da boa atuação do goleiro, foi derrotado por 2 a 0, na Arena Palmeiras, com dois gols de Deyverson, perdendo a chance de ganhar duas posições no Campeonato Brasileiro. Estacionado nos 50 pontos, o Rubro-Negro segue em sétimo, agora mais distante do G-4. A diferença para o Santos, atualmente em quarto, é de seis, restando apenas quatro rodadas. O próximo adversário será o Coritiba, quinta-feira (15), às 21h, no Couto Pereira.

Primeiro tempo:

Os 10 minutos iniciais tiveram uma chance para cada lado, sem muito perigo. Pelo Flamengo, aos quatro minutos, Willian Arão arriscou um chute de fora da área e assustou Fernando Prass, mas a bola foi para fora. O Palmeiras respondeu imediatamente. O cruzamento de Michel Bastos foi direcionado a Deyverson, mas passou por todo mundo e saiu pela linha de fundo. Quem encontrou Deyverson foi Moisés, aos 13, com um longo lançamento para o atacante, que apareceu nas costas de Rafael Vaz e, mesmo tendo finalizado mal, abriu o placar.

Desorganizado, o Flamengo só teve uma chance de empatar no segundo tempo. Aos 35, Lucas Paquetá avançou pelo lado esquerdo e cruzou para a área. Felipe Vizeu se esticou para finalizar, mas chegou atrasado e tocou com a ponta da chuteira, sem acertar o gol. Com bom aproveitamento ofensivo, o Palmeiras voltou a marcar na segunda oportunidade clara criada. Depois de chute na trave de Keno, Pará ficou pedindo impedimento e Deyverson teve liberdade para fazer mais um, de cabeça: 2 a 0. Quase nos acréscimos, Cuéllar levou perigo na bola parada, tirando tinta da trave em cobrança de falta.

Segundo tempo:

No intervalo, o técnico do Flamengo, Reinaldo Rueda, sacou Cuéllar e colocou o garoto Vinicius Junior, buscando aumentar a ofensividade. Porém, o primeiro a mostrar trabalho na segunda etapa foi o goleiro Diego Alves, defendendo cabeçada de Felipe Mello com menos de um minuto. Aos cinco, mandou para escanteio um chute rasteiro de Dudu. Contou com a sorte no lance seguinte, afastando de soco depois de Luan falhar de frente para o gol.

Com Vinicius usando os dribles e a velocidade para ganhar campo, o Flamengo melhorou. Quase descontou em jogada do outro lado. Após cruzamento de Renê, Luan foi cortar e por pouco não fez gol contra. Mas as principais chances continuavam sendo do Palmeiras, que só não ampliou aos 14 minutos porque Diego Alves fez milagre defendendo a finalização de Thiago Santos, de cabeça. Na sequência, o jogador palmeirense não conseguiu aproveitar a sobra. Sem poder de reação, o Flamengo só voltou a assustar aos 39, com Lucas Paquetá cabeceando por cima em cruzamento de Vinicius. Foi só.

FICHA TÉCNICA — PALMEIRAS 2 X 0 FLAMENGO:
34ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 12 de novembro de 2017 (domingo)
Horário: 17h (de Brasília)
Estádio: Arena Palmeiras, em São Paulo/SP
Arbitragem: Braulio da Silva Machado; Kléber Lucio Gil e Neuza Inês Back; Henrique Neu Ribeiro.

Escalações:
PALMEIRAS — Fernando Prass; Mayke (Jean), Edu Dracena, Luan e Michel Bastos; Felipe Mello (Thiago Santos), Thê Tchê (Zé Roberto) e Moisés; Keno, Deyverson e Dudu. Técnico: Alberto Valentim.
FLAMENGO — Diego Alves; Pará, Rafael Vaz, Rhodolfo e Renê (Rodinei); Cuéllar (Vinicius Junior), Willian Arão (Márcio Araújo), Éverton Ribeiro, Lucas Paquetá e Everton; Felipe Vizeu. Técnico: Reinaldo Rueda.

Gols:
PALMEIRAS — Deyverson, aos 13 e 35 minutos do primeiro tempo.

Cartão amarelo:
FLAMENGO — Renê.

DEIXE UMA RESPOSTA